Consumo de Álcool X Performance Física

Consumo de Álcool X Performance Física
O consumo de álcool traz inúmeros danos ao atleta e aos praticantes de exercício físico, sendo que os mais frequentes são comprometimento da habilidade motora; dificuldade de absorção de vitaminas e minerais que são imprescindíveis para o bom desempenho; aumento da perda de líquido pelo corpo (por inibir o hormônio antidiurético - ADH) ocasionando desidratação, dificuldade de manutenção da temperatura corporal, o que pode levar à hipotermia, acúmulo de gordura devido a alterações hormonais e ao valor calórico elevado do álcool (7kcal/ml – o que chamamos de calorias vazias), enfraquecimento muscular, perda de resistência para exercícios continuados e aumento da pressão arterial, também prejudica funções como memória, o tempo de reação, a precisão de habilidades motoras finas e o sono por depreciar o sistema nervoso centrar (SNC), fatores esses todos imprescindíveis para um bom rendimento nos treinos.


A ingestão aguda de álcool, conforme apontam alguns estudos, afeta o metabolismo dos carboidratos no fígado e no músculo, diminuindo a captação de glicose pelo músculo esquelético e prejudicando a utilização da glicose durante o exercício.
Alguns estudos já mostram que o álcool pode comprometer a unidade funcional contrátil da musculatura após uma sessão de exercício, atrapalhando a recuperação muscular. O que acontece é que a contração muscular depende de íons de Cálcio para ocorrer, e o álcool atrapalha a entrada de cálcio para dentro do músculo comprometendo sua contração efetiva, e assim piorando o desempenho.


Pesquisas recentes demonstram que o uso crônico do álcool promove a liberação de citocinas pró-inflamatórias, o que causa estresse sobre a musculatura, podendo levar à miopatia (condição que resulta em fraqueza) do músculo esquelético. Também foram encontrados impactos metabólicos na ingestão do álcool logo após a atividade física, como a diminuição da ressíntese de glicogênio muscular e das proteínas musculares (através da supressão da enzima m-TOR – Quem é meu paciente ai, sabe o que é, quem não é, é só chamar que eu explico).


Mas lembre-se: com moderação e boas escolhas, tudo fica mais fácil!
Escolha seu drink preferido e deguste ao lado de pessoas especiais em momentos especiais!









Copyright © 2016 nutriroberta.com.br
Inovando Sìtes Criação e Desenvolvimento de Sites em Porto Alegre RS